O Ministério da Saúde prioriza cinco ações básicas de saúde, com eficácia comprovada para a redução da morbimortalidade infantil: acompanhamento do crescimento e desenvolvimento, promoção do aleitamento materno e orientação alimentar para o desmame, prevenção e controle de doenças diarréicas, prevenção e controle das infecções respiratórias agudas e imunização. Estas são as ações da Puericultura, com a finalidade de assegurar a integralidade do cuidado e a sistematização do atendimento prestado pelos profissionais de saúde. 

    A Sociedade Brasileira de Pediatria preconiza o seguinte calendário para a realização da Puericultura:

                       FONTE: SOCIEDADE BRASILEIRA DE PEDIATRIA, 2018.

Puericultura